Dia de Portugal celebrado na Casa da Madeira de Joanesburgo

© DR

O evento decorreu no sábado 2 de Junho na África do Sul.

A Casa da Madeira de Joanesburgo (África do Sul) assinalou o Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades portugueses que decorreram no sábado 2 de Junho.
Oficialmente, a cerimónia começou com o içar das bandeiras pelos escuteiros do 1.º Agrupamento de S. Jorge e com o cônsul-geral de Portugal em Joanesburgo a acender o Chama da Pátria.
O cônsul-geral de Portugal em Joanesburgo. Francisco Xavier de Meireles começou o seu discurso com vivas a Portugal, à África do Sul e à comunidade portuguesa residente naquele país.
Referiu que «temos 530 anos de presença em África e também não temos vergonha nenhuma de nem um desses dias de história da nossa presença em África».
O diplomata continuou ao afirmar «pela segunda vez celebro o Dia de Portugal aqui na África do Sul onde celebramos a nossa nação Portugal, mas celebramos também neste dia um dos ou para muitos o nosso maior poeta Luís de Camões. Que nos legou, pode dizer-se a língua de Camões, um valor e potencial incalculável, é a terceira língua europeia mais falada em África e será a língua mais falada em toda a África em poucos anos».

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.