Aumento do desemprego entre os emigrantes

O conselheiro das comunidades em França, Rui Barata, avisou o Estado português para se preparar para o aumento do desemprego entre os emigrantes, pedindo o reforço dos apoios e a colocação de adidos sociais nos consulados.
Na semana passada, o Instituto Nacional de Estatística e de Estudos Económicos francês informou que há mais 500 mil desempregados no país, e esta crise está a afectar muitos portugueses.